Meditação guiada diária: o nascer do sol no coração

por Sri Chinmoy

Meditação guiada extraída do livro 222 Técnicas de Meditação, de Sri Chinmoy.

Veja mais meditações guiadas diárias.

 

O nascer do sol no seu coração | Não importando em que hora do dia você esteja meditando, mesmo se for à noite, imagine o nascer do sol por alguns poucos segundos. Imagine que o sol está nascendo e irradiando luz dentro do seu coração. Ou você pode imaginar a mais bela e linda flor se abrindo e desabrochando, pétala por pétala, dentro do seu coração.

Tão logo veja o nascer do sol ou a flor, sentirá a luz ou a pureza do seu coração. Então, conforme inspirar e expirar, sentirá que a luz ou a pureza de dentro do seu coração aumentam. E quanto mais luz e pureza você sentir em seu coração, mais brilhante será o nascer do sol ou a flor. Após isso, tente sentir que você se torna o nascer do sol. Ou tente sentir que a flor-pureza dentro do seu coração desabrochou totalmente e você se tornou essa mais bela flor. Toda a sua existência, das solas dos seus pés ao alto de sua cabeça, é a própria flor. A beleza, a pureza, a fragrância da flor é você todo.

Do nascer do sol ou da mais bela flor que você se tornou, a luz irá se irradiar e a pureza irá se espalhar. Quando a luz e a pureza se espalham, elas entram naqueles ao seu redor. Dessa forma, você pode meditar mais no coração. Não sinta que tem que ir para o coração. Apenas sinta que você é o coração.

 

O jardim no seu coração | Dentro do nosso jardim-coração estão todas as nossas qualidades divinas. Elas são como flores belas e perfumadas. Primeiro repita para si próprio: “Eu estou dentro do meu jardim-coração.” Tente ver e sentir todas as lindas flores que estão lá. Então diga: “Eu sou o meu jardim-coração. Todas as flores divinas de dentro do meu jardim-coração são parte e parcela do meu próprio eu.” Até agora você tem estabelecido a sua unicidade com a realidade que vê na sua vida exterior. Mas agora você estabelece a sua unicidade com a sua mais querida e pura existência, que é a sua vida interior, a vida do seu coração.

Quando estiver meditando, se acontecer de olhar para o seu ombro ou joelho, por favor, diga para si mesmo: “Isso é o meu coração.” Se tiver um bom pensamento durante a sua meditação, então, imediatamente, dentro desse bom pensamento, tente sentir a existência do seu coração.

 

Todos os dias

Quando meditar

Tente sentir que a sua vida

Está no jardim-fragrância do seu coração.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.