Técnicas de meditação, concentração e respiração online

do-not-allow-any-thought

Técnicas de meditação

Do livro de Sri Chinmoy, Meditação, Yoga e a Aventura da Vida

O mais importante é praticar. Hoje a sua mente é como um macaco. Essa mente inquieta fica batendo à porta do seu coração todo o tempo e perturbando a serenidade do coração. Neste mundo, todos têm orgulho, vaidade e autoestima. Se mantiver a porta do seu coração fechada a cada vez que a mente surgir, se não prestar atenção qualquer à mente, depois de um tempo ela achará que estaria abaixo da sua dignidade continuar importunando você.

 

Respirando lentamente

Tente respirar tão lenta e silenciosamente quanto possível, de forma que, se colocasse um fio de linha bem diante do seu nariz, o fio não se moveria. Você verá que a sua meditação será profunda e a sua mente ficará muito calma e silenciosa.

 

Imaginando algo vasto

Imagine algo muito vasto e calmo e silencioso. Quando começar a meditar, sinta que dentro de você há um vasto oceano e que você mergulhou muito fundo dentro de si. Lá nessas profundezas, tudo é tranquilidade – uma enchente de tranquilidade.

 

Respirando a energia cósmica

Sinta que está respirando não apenas ar, mas energia cósmica. Sinta que uma tremenda energia cósmica entra em você com cada inspiração e que você a utiliza para purificar o seu corpo, vital, mente e coração. Sinta que não há um único lugar no seu corpo que não está preenchido pelo fluxo de energia cósmica. Ela flui como um rio dentro de você, lavando e purificando todo o seu ser.

Quando começar a expirar, sinta que está exalando todas as coisas ruins de dentro de você – todos os seus pensamentos não divinos, ideias obscuras e ações impuras. Sinta que está exalando tudo dentro do seu organismo que pode ser chamado de não divino, tudo que não quer que seja parte de si.

 

Sentindo um rio de amor

Quando você inspirar, sinta que um rio de amor flui para dentro e através do seu corpo. Você se ama, você ama Deus, você ama seus entes queridos e ama a humanidade como um todo. Assim, primeiro traga à tona o aspecto de amor de Deus.

O amor é a pioneira dentre as qualidades divinas. Quando você chora por Deus, sinta amor – o amor imediato, espontâneo, sem reservas e repleto de alma.

 

Respiração um-quatro-dois

Temos na Índia um sistema tradicional de respiração controlada, chamado de pranayama, o controle do alento-vida. Prana é a energia vital, alento-vida; yama é controle. O primeiro exercício a se praticar é repetir uma vez, enquanto inspira, o Nome de Deus, do Cristo ou de quem você reverencia. Se o seu Mestre lhe deu um mantra, você poderá repeti-lo. Essa respiração não precisa ser longa ou profunda.

Em seguida, prenda a respiração e repita o mesmo nome quatro vezes. Quando expirar, repita duas vezes o nome ou mantra que você escolheu. Você inspira durante um tempo, segura o ar por quatro tempos e expira por dois tempos, repetindo a cada tempo o nome sagrado. Se simplesmente contar os números – um, quatro, dois –, você não receberá uma vibração ou sentimento interior. Contudo, ao dizer o Nome de Deus, as qualidades divinas de Deus imediatamente entram em você. Enquanto segura a respiração, essas qualidades giram no seu interior, entrando em todas as suas impurezas, obscuridade, imperfeições e limitações. Quando expira, essas mesmas qualidades divinas levam embora todas as suas qualidades não divinas, não progressivas e destrutivas.

 

O amor é a pioneira dentre as qualidades divinas. Quando você chora por Deus, sinta amor – amor imediato, espontâneo, sem reservas e repleto de alma.

 

Um iniciante começará com os tempos um-quatro-dois. Quando se tornar mais maduro na sua respiração, ele poderá fazer a contagem quatro-dezesseis-oito: inspirando por quatro tempos, prendendo-a por dezesseis e expirando-a em oito. Contudo, o aumento deve ser feito gradualmente. Algumas pessoas fazem até oito-trinta-e-dois-dezesseis tempos, mas isso não é para iniciantes.

 

Meditando num Mestre espiritual

Quando quiser praticar a concentração, escolha algo que lhe traga uma alegria imediata. Se tiver um Mestre, a imagem do seu Mestre lhe trará alegria imediata. Se não tiver um Mestre, escolha então algo muito belo, divino e puro, como uma flor, por exemplo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.